Yulduz Rajabova

Yulduz Rajabova

Yulduz Rajabova nasceu em 23 de dezembro de 1987, na cidade de Navoiy, Uzbequistão. Filha de uma dona de casa e de um jornalista, Yulduz demonstrou desde cedo um profundo interesse pelas artes. Na infância, frequentou a escola de dança Farhod em sua cidade natal. Originalmente, após concluir seus estudos secundários, ela pretendia se tornar uma tradutora e começou a estudar línguas estrangeiras. No entanto, seus planos mudaram.

Formação e Carreira Inicial

Yulduz optou por seguir seu amor pelas artes e se formou no Instituto de Arte e Cultura do Estado do Uzbequistão. Seu início na atuação se deu em produções teatrais no teatro associado à sua universidade. Posteriormente, ganhou reconhecimento por sua participação em videoclipes.

Ascensão ao Estrelato

Sua estreia no cinema aconteceu no ano de 2013 com o filme “Khazon”, dirigido por Said Muxtorov. Desde então, sua carreira só tem crescido, atuando em uma variedade de filmes e séries de televisão. Seus papéis de destaque incluem filmes como “Turist” (2013), “Yuragimdasan” (2018), “Scorpion” (2018), “Maqsad” (2018) e “Boyvachcha Kuyov” (2016). Também brilhou nas séries de televisão “Virus” (2016) e “Hamroh” (2017).

Reconhecimento Internacional

No cenário internacional, Yulduz se tornou conhecida especialmente pelo seu trabalho em uma coprodução turco-uzbeque, a série “Steppe Arslan Celaleddin / Mendirman Jaloliddin” (2021), onde interpretou a personagem Kutlubike. Além disso, atuou como protagonista no filme “2000 Songs of Farida” (2020), que foi sugerido para uma indicação ao Oscar.

Outras Realizações

Rajabova é uma das talentosas atrizes da companhia de teatro “Diydor”. Além da atuação, ela também foi agraciada com a Medalha de Honra da República do Uzbequistão, solidificando sua posição como uma das atrizes mais notáveis de seu país.

Filmografia

  • “Mendirman Jaloliddin” (Kutlubike, Série de TV, 2021)
  • “2000 Songs of Farida” (Robiya, Filme, 2020)
  • “Scorpion” (Catherine Trammel, Filme, 2018)
  • “Maqsad” (Tenente Sabirova, Filme, 2018)
  • “Hamroh” (Filme, 2017)
  • “Boyvachcha Kuyov” (Filme, 2016)
  • “Virus” (Série de TV, 2016)
  • “Khazon” (Filme, 2013)

Ao longo de sua carreira, Yulduz Rajabova provou ser uma atriz versátil e talentosa, conquistando admiradores não apenas em sua terra natal, mas também internacionalmente. Seu compromisso com a arte e sua habilidade em assumir papéis desafiadores a tornam uma das figuras mais promissoras no cenário do cinema e da televisão do Uzbequistão e além.