Sia

Sia

Nascida em 18 de dezembro de 1975 em Adelaide, Austrália, Sia Kate Isobelle Furler, mais conhecida como Sia, começou sua carreira musical na banda de acid jazz Crisp na metade da década de 1990. Com o fim da banda em 1997, Sia decidiu seguir em carreira solo e lançou seu álbum de estreia, “OnlySee”, exclusivamente na Austrália. Pouco depois, mudou-se para Londres, onde contribuiu com vocais para a dupla britânica Zero 7.

Em 2001, ela lançou seu segundo álbum de estúdio, “Healing Is Difficult”, seguido por “Colour the Small One” em 2004. Estes álbuns refletiam sua experimentação em diferentes estilos musicais, desde o trip-hop ao downtempo.

Mudanças e Reconhecimento Internacional

Em 2005, Sia se mudou para Nova York e fez uma turnê pelos Estados Unidos. Seus álbuns subsequentes, “Some People Have Real Problems” (2008) e “We Are Born” (2010), receberam certificações de ouro pela Australian Recording Industry Association e chamaram mais atenção do que seus trabalhos anteriores.

No entanto, incomodada com sua crescente fama, Sia decidiu dar um hiato nas apresentações e focar na composição para outros artistas. Durante esse período, colaborou em sucessos como “Titanium” com David Guetta, “Diamonds” com Rihanna e “Wild Ones” com Flo Rida.

Consolidação e Sucessos Posteriores

Em 2014, Sia voltou à cena musical com o álbum “1000 Forms of Fear”, que estreou no topo da parada da Billboard 200 nos Estados Unidos. O álbum gerou o single de sucesso “Chandelier”, bem como uma trilogia de videoclipes co-dirigidos por Sia e estrelados pela dançarina Maddie Ziegler. A partir de então, Sia adotou o uso de uma peruca que cobre seu rosto para proteger sua privacidade.

CONHEÇA TAMBÉM:  The Kid LAROI

Seu sétimo álbum de estúdio, “This Is Acting” (2016), originou seu primeiro single número um na Billboard Hot 100, “Cheap Thrills”. Naquele mesmo ano, ela iniciou a turnê “Nostalgic for the Present”, que incorporava elementos de dança e performance artística. Em 2017, Sia lançou “Everyday Is Christmas”, e em 2018, uniu-se a Labrinth e Diplo para formar o grupo LSD, lançando um álbum autointitulado em abril de 2019.

Direção e Outros Empreendimentos

Além de sua carreira musical, Sia dirigiu um longa-metragem intitulado “Music”, lançado em 2021, que foi acompanhado por um álbum de músicas inspiradas no filme.

Ativismo e Reconhecimento

Sia é uma defensora dos direitos dos animais e recebeu inúmeros prêmios ao longo de sua carreira, incluindo ARIA Awards, uma MTV Video Music Award e nove indicações ao Grammy. Em março de 2021, uma viela no centro de Adelaide foi renomeada como Sia Furler Lane, em sua homenagem.

Estilo Musical e Legado

Sia é conhecida por sua voz “profunda, brincalhona e poderosa”. Seu estilo musical evoluiu ao longo dos anos, de acid jazz e trip-hop a pop com influências de reggae e hip-hop. Ela é especialmente conhecida por suas letras introspectivas que abordam temas como depressão e vício.

Com uma carreira que abrange várias décadas e estilos, Sia é considerada uma das compositoras mais resilientes do século 21.

Discografia Selecionada

  • OnlySee (1997)
  • Healing Is Difficult (2001)
  • Colour the Small One (2004)
  • Some People Have Real Problems (2008)
  • We Are Born (2010)
  • 1000 Forms of Fear (2014)
  • This Is Acting (2016)
  • Everyday Is Christmas (2017)
  • Music (2021)

Turnês

  • We Meaning You Tour (2010–2011)
  • We Are Born Tour (2011)
  • Nostalgic for the Present Tour (2016–2017)
CONHEÇA TAMBÉM:  The Kid LAROI