Rita Verônica Franco de Santana, nascida em 22 de agosto de 1969, em Ilhéus, Bahia, é uma renomada atriz, escritora e professora brasileira. Graduada em Letras com habilitação em língua francesa pela Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), Rita também possui pós-graduação lato sensu em História Social e Cultura Afro-brasileira, refletindo seu profundo interesse pela rica tapeçaria cultural de seu país.

Carreira no Teatro e Televisão

A carreira de Rita no teatro começou em 1985, destacando-se em peças infantis como “PLUFT, o fantasminha”, de Maria Clara Machado, além de participar de recitais de poesia e feiras culturais. Foi uma das fundadoras do grupo de teatro de rua “Caras e Máscaras” em Ilhéus. No cinema, teve uma participação notável no filme “Tieta do Agreste” (1995), de Cacá Diegues. Na televisão, brilhou em “Renascer” como Flor, marcando sua presença no cenário nacional.

Estreia e Reconhecimento na Literatura

Rita iniciou sua jornada literária publicando contos no “Diário da Tarde” de Ilhéus em 1993. Sua obra “Tramela” (2004) marcou sua estreia no mundo dos livros, seguida por “Tratado das Veias” (2006) e “Alforrias” (2012), mostrando sua versatilidade e profundidade como escritora. Seus textos refletem uma elaboração sofisticada e um compromisso com as questões sociais e culturais.

Rita Santana

 

Prêmios e Publicações

Vencedora do Prêmio Braskem de Cultura e Arte em 2004, Rita publicou várias obras que abrangem tanto a poesia quanto o conto. Sua atuação no projeto “Universidade em Verso” na UESC e sua participação em antologias como “Mão Cheia” e “Outras Carolinas: Mulherio da Bahia” destacam seu papel ativo na comunidade literária da Bahia.

Contribuições e Impacto Cultural

Além de seu trabalho como atriz e escritora, Rita Santana tem uma influência significativa como professora, compartilhando seu conhecimento e paixão pelas letras com as novas gerações. Sua contribuição para a cultura e literatura baianas é um testemunho do seu talento multifacetado e do seu compromisso com a arte e a educação.

Rita Santana é uma artista completa, cuja vida e obra abrangem a atuação, a escrita e o ensino, refletindo a rica diversidade da cultura brasileira. Sua capacidade de transitar entre diferentes formas de expressão artística e seu compromisso com a valorização da cultura afro-brasileira e da literatura fazem dela uma figura inspiradora na cena cultural da Bahia e do Brasil.

Corrigir / Atualizar ou Adicionar Informações