Orochi

Orochi

Flávio Cesar Costa de Castro, conhecido artisticamente como Orochi, nasceu em São Gonçalo, no dia 24 de março de 1999, e emergiu como uma figura significativa no cenário do rap e hip-hop brasileiro. Dotado de um talento precoce para a música, Orochi iniciou sua jornada no rap com apenas 14 anos, marcando sua estreia profissional em batalhas de MCs no seu bairro natal.

Início de Carreira

O começo de sua carreira foi marcado por vitórias em diversas edições da Batalha do Tanque, em São Gonçalo. No entanto, após um desentendimento durante uma disputa em 2016, Orochi decidiu se afastar temporariamente desse circuito. Essa pausa não o impediu de brilhar, pois logo se destacou como membro do grupo de hip hop Modestiaparte, especializando-se no estilo trap-funk.

Ainda adolescente, em 2015, Orochi conquistou o título no Duelo de MCs Nacional, tornando-se o campeão mais jovem da história do evento. Este feito apenas antecipou o que seria uma trajetória de sucesso. Seu nome artístico, inspirado pelo personagem mais forte do jogo “The King of Fighters”, reflete sua postura assertiva e poderosa no palco.

Com o avanço da tecnologia e das redes sociais, Orochi ganhou notoriedade ao viralizar seus vídeos de rap no Facebook. Em 2018, ele lançou “Asterix and Obelix”, em colaboração com Batz Ninja, e o single “Mainstreet”, que solidificou sua presença no cenário musical.

Controvérsias

A vida de Orochi teve seus altos e baixos, incluindo um momento controverso em 2022, quando foi detido por porte ilegal de drogas. Contudo, ele não permitiu que esses desafios o definissem, utilizando sua música para transformar experiências negativas em mensagens poderosas, como evidenciado pela canção “Balão”.

CONHEÇA TAMBÉM:  MC PH

Sucesso

A influência de Orochi no rap nacional cresceu exponencialmente, culminando com sua participação no Rock in Rio em setembro de 2022, onde se apresentou no Espaço Favela. Seus álbuns “Celebridade” (2020), “Lobo” (2021) e “Vida Cara” (2023) refletem uma carreira em ascensão, com letras inéditas e colaborações com artistas renomados como Baco Exu do Blues e Djonga.

No cenário atual, Orochi é um dos rappers mais ouvidos no Spotify Brasil, superando grandes nomes como Emicida e Projota, com mais de 3,2 milhões de ouvintes mensais. Sua discografia inclui também o EP “Trip” (2018) e singles bem-sucedidos, consolidando seu lugar de destaque no rap brasileiro. Em meio a premiações e indicações, como a do MTV Millennial Awards, Orochi segue influenciando o hip-hop com sua visão artística única e sua narrativa autêntica das ruas para o mainstream.