María de los Ángeles Felisa Santamaría Espinosa, conhecida artisticamente como Massiel, nasceu em 2 de agosto de 1947 em Madrid, Espanha. Filha de Emilio Santamaria Martín, um gerente artístico, Massiel cresceu em um ambiente musical. Desde jovem, ela se decidiu pela carreira de cantora, atriz e compositora.

Primeiros Sucessos

Massiel iniciou sua carreira com gravações em 1966 e rapidamente se estabeleceu na cena musical espanhola e latino-americana com a canção “Rosas en el mar”, escrita por seu amigo Luis Eduardo Aute em 1967. Ela também participou do filme “Vestida de novia” no mesmo ano.

Eurovisão e Reconhecimento Internacional (1968)

Em 29 de março de 1968, Massiel foi convidada a substituir Joan Manuel Serrat como representante da Espanha no Festival Eurovisão da Canção, após Serrat expressar o desejo de cantar em catalão, o que era proibido pelo regime de Franco. Com apenas nove dias para se preparar, Massiel voltou de uma turnê no México, aprendeu a música “La, la, la” e a gravou em cinco idiomas. Ela venceu o concurso em 6 de abril de 1968 em Londres, superando o favorito Cliff Richard.

Carreira Pós-Eurovisão

Massiel continuou a gravar músicas em vários gêneros e lançou álbuns para cinco gravadoras diferentes. Em 1997, lançou um álbum em espanhol intitulado “Baladas Y Canciones De Bertolt Brecht”. Ela também atuou em várias produções teatrais e filmes.

Controvérsias e Alegações

Em 2008, um documentário espanhol acusou a TVE de subornar juízes a mando do General Franco para garantir a vitória de Massiel na Eurovisão. Essas alegações foram baseadas em declarações do jornalista José María Íñigo, que depois afirmou ter sido tirado de contexto.

Participações em Festivais e Reconhecimentos

Na década de 1980, Massiel foi convidada no Festival de Viña del Mar no Chile, onde recebeu o prêmio principal, La Gaviota de Plata. Durante seu discurso de agradecimento, ela mencionou o exilado compositor chileno Patricio Manns, o que foi recebido com entusiasmo pelo público.

CONHEÇA TAMBÉM:  Daniel Zueras Herreros

Retorno e Trabalhos Recentes

Em 2007, Massiel tornou-se membro do júri no programa “Mission Eurovision”, e em 2012, ela estrelou a produção espanhola de “Follies” de Stephen Sondheim, interpretando Carlotta Campion.

Discografia

Alguns dos singles de sucesso de Massiel incluem “Di que no”, “Él era mi amigo”, “Rosas en el mar”, “Aleluya Nº1”, “La La La” e muitos outros. Ela gravou cerca de 50 discos, incluindo EPs, singles, LPs, CDs e compilações.

Acidente e Aposentadoria

Em 2001, Massiel sofreu um acidente ao cair da janela de seu apartamento no segundo andar. Em 1996, ela decidiu abandonar sua carreira musical, embora tenha lançado mais um álbum em 1997 e outro em 2007.

Massiel é lembrada não apenas por sua vitória no Eurovisão, mas também por sua influente carreira musical que atravessou várias décadas, gêneros e continentes.

Corrigir / Atualizar ou Adicionar Informações