Maluma

Maluma

Juan Luis Londoño Arias, conhecido profissionalmente como Maluma, nasceu em 28 de janeiro de 1994, em Medellín, Colômbia. Ele foi criado por seus pais Marlli Arias e Luis Londoño e tem uma irmã mais velha, Manuela. Desde a infância, Maluma demonstrou interesse em futebol e música. Ele jogou futebol nas divisões inferiores dos times Atlético Nacional e Equidad Sports Club. Paralelamente, desenvolveu uma paixão pela música e começou a gravar canções aos dezesseis anos. Seu nome artístico é uma combinação das primeiras sílabas dos nomes de sua mãe, pai e irmã.

Ascensão Musical

Maluma lançou seu álbum de estreia, “Magia”, em 2012. No entanto, foi com o álbum “Pretty Boy, Dirty Boy”, lançado em 2015, que ele conquistou reconhecimento internacional. Ele seguiu o sucesso com álbuns como “F.A.M.E.” em 2018, “11:11” em 2019, e “Papi Juancho” em 2020. Seu single “Hawái” alcançou o terceiro lugar no Billboard Global 200 e se tornou o primeiro single a ocupar o primeiro lugar no Billboard Global Excl. U.S. Com mais de 18 milhões de discos vendidos, Maluma é um dos artistas de música latina mais vendidos da atualidade.

Colaborações e Estilo

Maluma já colaborou com diversos artistas internacionais, como Shakira, Madonna, Jennifer Lopez, Ricky Martin, J Balvin e The Weeknd. Ele é conhecido por suas canções que misturam reggaeton, Latin trap e pop, com sucessos nas paradas de Hot Latin Songs como “Felices los 4”, “Borró Cassette”, e “Corazón”.

Vida Pessoal e Filantropia

Em sua vida pessoal, Maluma é católico, mas afirma que aprecia aspectos de outras religiões. Ele teve um relacionamento com a modelo americana Natalia Barulich, que terminou em 2019. O artista também é conhecido por seu ativismo social e seu apoio à comunidade LGBT.

CONHEÇA TAMBÉM:  Feid

Polêmicas e Ativismo

Maluma não é estranho à controvérsia; sua canção “Cuatro Babys” foi criticada por objetificar mulheres. Além disso, em 2022, ele se retirou de uma entrevista de televisão ao vivo depois que o repórter sugeriu que ele poderia ser acusado de mascarar abusos contra os direitos humanos no Catar.

Reconhecimentos

Ao longo de sua carreira, Maluma acumulou diversas indicações e prêmios, incluindo um Grammy Latino, um MTV Video Music Award e dois Latin American Music Awards. Em 2019, foi nomeado “Songwriter of the Year” pelo El Premio ASCAP.

Empreendedorismo

Além de sua carreira musical, Maluma também fez investimentos em capital de risco, incluindo na empresa de música TREBEL e na empresa de proptech colombiana La Haus.

Legado e Influência

Maluma continua a ser uma das vozes mais influentes na música latina atual, com uma presença significativa também na moda e no ativismo social. Em 2019, a Vogue o chamou de “Ícone da Moda Masculina em Construção”, e em 2021, ele lançou uma linha de roupas em colaboração com a Balmain e a Macy’s, intitulada “Royalty by Maluma”.

É inegável que Maluma deixou uma marca indelével tanto na indústria da música quanto na cultura popular, e seu legado promete crescer ainda mais nos próximos anos.