Golden Jacob Mbunda, mais conhecido pelo seu nome artístico Godzilla, nasceu em 5 de janeiro de 1988 em Morogoro, Tanzânia. Após o falecimento do pai quando tinha apenas dois anos, Godzilla foi criado pela mãe juntamente com seus dois irmãos. A adversidade precoce não impediu Godzilla de perseguir seus sonhos.

Ascensão ao Estrelato

Sua carreira musical teve um ponto de virada em 2007, quando participou de uma batalha de freestyle. Apesar de não ganhar o primeiro lugar, o evento provou ser uma plataforma de sucesso, elevando sua visibilidade, resultando em sua primeira grande entrevista no rádio e performances em grandes palcos, mesmo sem ter um single oficial lançado nas estações de rádio.

Campanhas e Mixtapes

No ano seguinte, em 2008, Godzilla uniu-se à campanha “Malaria No More”, chamada Zinduka, que tinha como objetivo a eliminação da malária. Esta ação social destacou sua versatilidade e compromisso com causas além da música. Em janeiro de 2014, ele lançou sua primeira mixtape oficial com 18 músicas, mostrando sua habilidade não apenas como rapper, mas também como compositor e artista multifacetado.

Discografia

Entre seus singles mais conhecidos estão “Salasala”, “Lakuchumpa”, “Otis”, “Kingzilla”, “Milele” e “Illumi-Naught”. Sua música “Nataka” e outras colaborações, como “Thank God”, “Karibu Yako” e “Nisome”, também são dignas de nota.

Turnês e Reconhecimento

Godzilla vivenciou a vida de turnês em 2009, apresentando-se no Serengeti Fiesta Tour, a maior turnê de música da Tanzânia, atuando em várias regiões e compartilhando o palco com artistas internacionais como Busta Rhymes, Ludacris e Rick Ross. Sua presença nas turnês Serengeti Fiesta de 2010 e 2011 e nas edições subsequentes reforçou seu status como uma figura influente na cena musical da Tanzânia.

CONHEÇA TAMBÉM:  Angelina Chogo

Prêmios e Nomeações

Sua arte foi reconhecida em várias ocasiões, como evidenciado pelas suas nomeações nos Prêmios de Música da Tanzânia. Em 2012, foi nomeado para a Melhor Canção de Hip Hop do Ano com “Salasala” e em 2013 recebeu três nomeações: Melhor Artista de Hip Hop, Melhor Colaboração e Melhor Canção de Hip Hop do Ano com “Kingzilla”.

Legado

A trágica morte de Godzilla em 13 de fevereiro de 2019, em Kinondoni, Dar Es Salaam, com apenas 31 anos, encerrou prematuramente a vida de um dos rappers mais promissores da Tanzânia. Sua música e seu impacto, no entanto, continuam a viver, inspirando artistas emergentes e deixando uma marca indelével na indústria musical da Tanzânia.

Corrigir / Atualizar ou Adicionar Informações