Gaby Amarantos é uma cantora, compositora, apresentadora e atriz brasileira, que se destaca pelo seu estilo musical e visual, que mistura o tecnobrega, o pop e a cultura amazônica. Ela é considerada uma das principais representantes da música paraense e uma das pioneiras do movimento brega pop no Brasil. Ela já lançou dois álbuns de estúdio, Treme (2012) e Purakê (2021), e vários singles de sucesso, como Ex Mai Love, Xirley, Fogo e Amor de Que. Ela também participa de programas de televisão, como The Voice Kids, Saia Justa e Além da Ilusão. Veja a seguir a biografia completa, detalhada e longa de Gaby Amarantos:

Da igreja aos bares

Gaby Amarantos nasceu em 1 de agosto de 1978, no bairro de Jurunas, na periferia de Belém, no Pará. Ela é filha de Raimundo dos Santos e Maria do Carmo Amaral, e tem três irmãos. Ela começou a cantar na igreja, aos 15 anos, no coral da Paróquia de Santa Teresinha do Menino Jesus. Ela se destacava pela sua voz grave, mas suave, e foi convidada para se apresentar em bares e festas da capital paraense. Ela cantava diversos estilos musicais, como MPB, jazz, samba e flashbrega, um ritmo popular que misturava brega, música eletrônica e romantismo. Ela também se inspirava em artistas como Clara Nunes, Juan Luis Guerra, Ella Fitzgerald e Billie Holiday.

O sucesso com a Banda Tecno Show

No início dos anos 2000, Gaby Amarantos se juntou à Banda Tecno Show, uma das precursoras do tecnobrega, um gênero musical que surgiu no Pará, que combina elementos do brega, do pop, do forró, do carimbó e da música eletrônica. A Banda Tecno Show era formada por Gaby, DJ Waldo Squash e os dançarinos Júnior e Leandro. Eles se apresentavam em festas, casas noturnas, aparelhagens (grandes sistemas de som) e eventos culturais, e conquistaram um grande público na região Norte do Brasil. Eles lançaram dois CDs e um DVD, com músicas como Gemendo, Hoje Eu Tô Solteira, Faz o T e Xirley. Eles também fizeram parcerias com outros artistas do tecnobrega, como Banda Calypso, Banda Batidão e Banda AR-15.

A carreira solo e o reconhecimento nacional

Em 2012, Gaby Amarantos decidiu seguir carreira solo e lançou seu primeiro álbum, Treme, pela gravadora Som Livre. O álbum foi produzido por Carlos Eduardo Miranda, Felix Robatto e DJ Waldo Squash, e contou com participações de Zeca Baleiro, Fernanda Takai, Monobloco e Maderito. O álbum foi um sucesso de crítica e de público, e recebeu indicações ao Grammy Latino, ao Prêmio Multishow e ao Troféu Imprensa. O álbum também teve vários hits, como Ex Mai Love, que foi tema de abertura da novela Cheias de Charme, da Rede Globo, Xirley, que foi trilha sonora da novela Avenida Brasil, da mesma emissora, e Fogo, que foi trilha sonora da novela Salve Jorge, também da Globo. Gaby Amarantos também fez shows pelo Brasil e pelo exterior, e participou de programas de TV, como Altas Horas, Esquenta, Domingão do Faustão, Encontro com Fátima Bernardes, Programa do Jô, Caldeirão do Huck, CQC, Pânico na Band, Agora é Tarde, The Noite, Programa da Sabrina, Legendários, Eliana, Domingo Legal, Superpop, TV Xuxa, Estrelas, Amor & Sexo, Vídeo Show, Mais Você, Conversa com Bial, entre outros. Ela também foi capa de revistas, como Rolling Stone, Marie Claire, Trip, Claudia, Nova, Quem, Contigo, Caras, IstoÉ Gente, entre outras.

Os projetos na televisão e no cinema

Em 2013, Gaby Amarantos estreou como apresentadora de TV, no programa Vem Aí, da Rede Globo, ao lado de Tatá Werneck. Ela também apresentou o programa Gaby Gringa, no canal Multishow, onde viajava pelo mundo e mostrava a cultura e a música de diferentes países. Em 2014, ela apresentou o programa Superbonita, no canal GNT, ao lado de Ivete Sangalo. Ela também participou do programa Medida Certa, do Fantástico, da Rede Globo, onde passou por um processo de reeducação alimentar e perdeu 20 quilos. Em 2015, ela apresentou o programa Esquenta do Prêmio Multishow, no canal Multishow, ao lado de Paulo Gustavo. Ela também participou do filme Órfãos do Eldorado, baseado no livro de Milton Hatoum, dirigido por Guilherme Coelho. Em 2016, ela apresentou o programa Saia Justa, no canal GNT, ao lado de Astrid Fontenelle, Mônica Martelli e Pitty. Ela também participou do filme Paraíso Perdido, dirigido por Monique Gardenberg, ao lado de Erasmo Carlos, Jaloo, Seu Jorge, entre outros. Em 2017, ela apresentou o programa Gaby Amarantos: De Volta ao Pará, no canal Discovery Home & Health, onde mostrava as belezas e as tradições da sua terra natal. Em 2018, ela apresentou o programa Só Toca Top, na Rede Globo, ao lado de Luan Santana. Ela também participou do filme Turma da Mônica: Laços, baseado na obra de Mauricio de Sousa, dirigido por Daniel Rezende, onde interpretou a mãe do personagem Cascão. Em 2019, ela apresentou o programa Autênticas, no canal GNT, ao lado de Iza, Ludmilla, Lexa, Anitta, entre outras. Ela também participou do filme Minha Mãe é uma Peça 3, dirigido por Susana Garcia, onde interpretou a cantora Beyoncé. Em 2020, ela apresentou o programa Anota Aí, no canal Multishow, onde dava dicas de viagem, gastronomia, moda, beleza, entre outras. Ela também participou do filme Tudo Bem no Natal que Vem, dirigido por Roberto Santucci, onde interpretou a cantora Simone. Em 2021, ela se tornou técnica do programa The Voice Kids, na Rede Globo, ao lado de Carlinhos Brown, Michel Teló e Simone & Simaria. Ela também se tornou atriz da novela Além da Ilusão, da mesma emissora, onde interpreta a personagem Zenaide.

O segundo álbum e os novos projetos musicais

Em 2021, após quase 10 anos do sucesso do álbum Treme, Gaby Amarantos lançou seu segundo álbum de estúdio, Purakê, que significa peixe elétrico em tupi-guarani. O álbum foi produzido por Jaloo, e contou com participações de Ney Matogrosso, Elza Soares, Alcione, Dona Onete, Liniker, entre outros. O álbum foi elogiado pela crítica e pelo público, e recebeu indicações ao Grammy Latino, ao Prêmio Multishow e ao Prêmio da Música Brasileira. O álbum também teve vários hits, como Amor de Que, Vem Me Amar, Rolha, Fim de Semana, Sei Te Excitar, Paixão Adolescente, entre outros. Gaby Amarantos também fez parcerias musicais com outros artistas, como Pabllo Vittar, Linn da Quebrada, Duda Beat, Gloria Groove, Preta Gil, Karol Conká, Anitta, Ivete Sangalo, Daniela Mercury, entre outros.

A vida pessoal e as curiosidades

Gaby Amarantos é mãe de Davi, nascido em 2009, fruto de um relacionamento anterior. Ela revelou que foi abandonada pelo pai do seu filho quando estava grávida, e que enfrentou uma gravidez difícil e solitária. Ela criou seu filho como mãe solteira, e contou com o apoio da sua família. Ela também disse que nunca se arrependeu de ter seu filho, e que ele é a sua maior inspiração.

CONHEÇA TAMBÉM:  Henry Freitas

Corrigir / Atualizar ou Adicionar Informações