Agir

Agir

Agir é o nome artístico de Bernardo Correia Ribeiro de Carvalho Costa, um famoso cantor, compositor, produtor e ator português. Nascido em 18 de março de 1988, em Lisboa, Portugal, Agir tornou-se um nome reconhecível na cena musical contemporânea portuguesa.

Início de Carreira

Juventude e Influências Musicais

O filho do conhecido cantor Paulo de Carvalho e da atriz Helena Isabel, Agir cresceu rodeado de música e arte. As influências ecléticas dos seus pais moldaram seu estilo musical diversificado, que varia entre o pop, hip-hop, e R&B.

Primeiros Passos na Música

Agir começou a compor e a produzir música ainda na adolescência. O seu primeiro álbum, “Agir”, foi lançado independentemente em 2010.

Música

Estilo Musical e Discografia

Agir tem um estilo musical versátil, e sua discografia reflete essa diversidade. Alguns dos seus álbuns incluem:

  • “Agir” (2010)
  • “Leva-me a Sério” (2015)
  • “No Fame” (2020)

Colaborações e Hits

Agir colaborou com outros músicos portugueses, e algumas de suas músicas mais conhecidas incluem “Como Ela é Bela” e “Tempo É Dinheiro.”

Vida Pessoal

Agir é casado com Catarina Gama, e os dois são conhecidos por partilharem momentos de suas vidas nas redes sociais. Ele também é aberto sobre suas opiniões políticas e sociais, utilizando sua plataforma para expressar suas visões.

Atuação

Além de sua carreira musical, Agir também fez aparições como ator, demonstrando seu talento multifacetado.

Prêmios

Agir recebeu vários prêmios e nomeações durante sua carreira, reconhecendo seu talento e contribuição para a música portuguesa.

Curiosidades

  • Agir é um defensor ativo de várias causas sociais, incluindo direitos LGBTQ+ e saúde mental.
  • Ele é conhecido por seu envolvimento direto com os fãs, frequentemente interagindo com eles nas redes sociais.
CONHEÇA TAMBÉM:  Tony Carreira

Agir é uma figura destacada na música portuguesa contemporânea, conhecida tanto por seu talento musical quanto por sua personalidade carismática e abordagem franca sobre questões sociais. Sua habilidade para combinar diferentes estilos musicais e sua disposição para explorar novos territórios artísticos garantem que ele continue a ser um artista relevante e influente em Portugal e além.